Este blog descreve momentos da vida da banda de rock "Os Tubarões", de Viseu, Portugal entre 1963 e 1968. This blog describes rock band moments of life "Os Tubaroes", Viseu, Portugal between 1963 and 1968.
03 de Maio de 2014

Na busca de novos documentos relacionados com a vida do conjunto batemos à porta do Clube de Viseu para saber se no arquivo daquela instituição existiam algumas fotos ou outros documentos. Nada havia.

 

Decidimos então oferecer o espólio do Conjunto relacionado com as nossas actuações naquela Instituição, o que aconteceu num acto público de entrega que ocorreu a 13 de Dezembro último.

 

No seguimento desta oferta entendeu o Clube de Viseu fazer uma vitrine para a exposição deste material convidando-nos para a sua inauguração pelo Dr. Francisco Mendes da Silva, Presidente do Clube de Viseu, no passado dia 26/4, precisamente 50 anos depois de o conjunto se ter estreado no lindíssimo Salão Nobre daquela instituição.

 

Na vitrine podem ver-se 9 fotos de 1963 a 1967, o disco vinil e a bobine magnética original da gravação ao vivo de Old Lady, de Outubro de 1966, registo em sala (live on tape) dos seguintes originais: Old lady (José Merino), A girl for me (José Merino, Luis Dutra), Come back (José Merino, Victor Barros), e outros adereços do conjunto como carteiras profissionais, miniatura da D.Urraca (a carrinha pão de forma do conjunto onde se transportavam os instrumentos e equipamentos, etc …

  

 

 

 

 

  

 

 

 

- Agradecemos o apoio da CITAC - Iluminação que iluminou a vitrine;

 

- Agradecemos os apoios do Fotógrafo José Alfredo e as fotos do José Tomás;

- Agradecemos o apoio do Clube de Viseu 

porep
publicado por os tubaroes, Viseu às 16:11
 O que é? | | favorito
22 de Julho de 2013

 

A D. Urraca.

 

A logística das deslocações e do transporte dos equipamentos e amplificadores do conjunto implicava sempre mais do que uma viatura. Ia sempre a viatura do Sr.António Loureiro, algumas viaturas de amigos que nos acompanhavam e se ofereciam para o transporte de um ou outro equipamento, e um carro de aluguer "A" com uma mala grande onde eram transportados os maiores volumes de equipamentos.

Naquele tempo já tínhamos um Roadie. Tratava-se do Nogueira, amigo de infância do Zé Merino, muito bom rapaz, muito divertido, amigo e dedicado e o Fã nº 1 do conjunto. Acacompanhava-nos sempre e era o responsável pela logística do transporte e montagem dos equipamentos e aparelhagens. E ai de quem lhes tocasse! 

 

Por mera questão de oportunidade o Sr. António Loureiro comprou por 20.000$00 (100 €), em 2ª mão, uma carrinha VW, modelo pão de forma, azul, que baptizamos como D. Urraca, o mesmo nome da discoteca do Porto na altura muito na moda. 

Esta aquisição deu-nos uma maior independência nas nossas deslocações musicais e não só e uma segurança elevada para o transporte dos equipamentos.

Levantava-se um problema. Embora alguns de nós tivéssemos a carta de condução ninguém estava interessado em conduzir a D. Urraca quando nos tínhamos de deslocar, principalmente quando o regresso se seguia à actuação. Foi então que se consolidou a presença de um novo elemento do conjunto o Rogério Dourado, um amigo que já nos acompanhava no dia a dia, um fã da VW que treinava na condução do carocha do Pai nas inúmeras escapadelas que fazíamos ao serão ao Caramulo e outras redondezas para muitos e agradáveis serões de folia.

O Rogério Dourado passou a cuidar e a ser o responsável pela D. Urraca.

 

 

A D. Urraca passou a ser mais um excelente elemento do Conjunto responsável pela deslocação confortável dos nossos equipamentos e não só pois também foi muito aproveitada para sessões de autógrafos, lazer, divertimento e descanso. Acompanhou-nos até ao final da nossa carreira musical com algumas remodelações no motor, nas cores e na coreografia.

 

Bons companheiros e Amigos:

- O Nogueira que mais tarde foi até França e que nunca perdia um pé de dança em todas as festas mesmo a troco de uns autógrafos especiais, de quem temos muitas saudades e nenhumas notícias;

 

 

 

- O Rogério que está sempre no nosso coração;

 

 

- A D. Urraca, grande companheira de muitas viagens e inúmeras aventuras como o regresso da Festa na Nazaré ou as peripécias na Avenida da Liberdade, quando repentinamente virámos da R.Alexandre Herculano para o Maquês e o Luis Dutra foi projectaco pela porta lateral e ainda voou uns metros sem cair; a subida da Covilhã para a Serra da Estrela, no Carnavel na Neve de 1968, em que a D.URRACA mesmo ajudada pela GNR gripou o motor, para além dos autógrafos mais exclusivos e outros momentos mais aconchegados que se propiciaram em inúmeras ocasiões.  

 

Saudades !

 

in porViseu'60s.

porep 

publicado por os tubaroes, Viseu às 09:12
 O que é? | | favorito
tags:
Os Tubarões em livro: porViseu'60s.
Ler livro aqui
Abril 2017
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
19
20
21
22
23
24
26
27
28
29
30
mais sobre mim
pesquisar neste blog
 
últimos comentários
Que memórias boas!
Isabel Corujão favor envie e-mail de contacto pois...
Ficava muito grata se me dispensasse esses materia...
Temos fotos originais e texto da peça. Tentaremos ...
Vi com muito interesse este post e fiquei com curi...
Cornélio,Obrigado e um abraço,Eduardo pinto
Eduardo, parabéns pelo trabalho de pesquisa! Muito...
ja tenho o livro que comprei na FOTO GERMANO..está...
Eduardo vou com certeza partilhar a tua obra, pare...
O livro será posto à venda a 26 de Setembro de 201...
blogs SAPO